Monday, 26 March 2012

Paul Washer - Para Ele (For Him)


"For through him God created everything in heaven and on earth, the seen and the unseen things, including spiritual powers, lords, rulers, and authorities. God created the whole universe through him and for him."
Colossians 1.16

Sunday, 25 March 2012

South Korea 2012: Primeiro mês

                                     http://www.youtube.com/watch?v=cCYF2wz4WKA
   Música do filme "O Último Samurai". Sim, eu sei que Samurai é proveniente do Japão, mas é bem aquele espírito que o filme mostra mesmo, e essa música traduz isso de uma maneira única... Escrevi esse texto ouvindo-a, e seria ótimo se você pudesse a apreciar também!



   Essa educação e respeito me constrangem. E fico sem ação diante de cada palavra, cada gesto, cada demonstração de amor. Isso realmente existe, é real. Como poderia imaginar que um dia estaria escrevendo sobre isso? Sem nenhuma dúvida, a maior aventura da minha vida. Aventura essa que mal começou...
   O frio já não é tão gelado, e a comida não tão picante. Muitas palavras já possuem significado, e as ruas já não sei mais estranhas. Aos poucos as árvores, antes secas e sem cor, começam a ganhar vida e mudar a paisagem. As montanhas permanecem por todos os lados como que nos protegendo, nos resguardando de um mundo cada vez mais cruel. Ainda existe segurança, ainda existe respeito, ainda há amor. Há esperança.
   A simplicidade do natural, e a pureza de toda essa cultura, contrastam com a magnitude da tecnologia e vibração das cores espalhadas pelas ruas, fazendo com que haja luz na noite, e serenidade no dia. As preocupações, aflições, angústias, caem por terra diante dos sorrisos sinceros das crianças e o olhar apaixonado dos idosos. Não é preciso ter medo, as crianças podem andar sem ninguém as vigiando, podem ir à escola e voltar cantando, podem dar as mãos e contar histórias, seja ao meio dia no meio da rua, ou à meia noite em um parque qualquer, não se preocupe, quando todos zelam por todos, não há com o que se preocupar.
   Por favor, perdoe a minha ignorância e meus hábitos ainda diferentes. Me ensine sua cultura e me adote de uma vez. Me prenda se for preciso, mas não me deixe sair daqui. Para onde eu poderia querer ir se aqui é o mais perto que a terra pode chegar do Paraíso? Onde eu poderia encontrar tal paz?
   Não sei quem eu era, mas tenho certeza de que já não o sou. E ainda assim continuo o mesmo, mas diferente. Um mês, e tenho a impressão de que estou aqui há um ano. Conte-me mais sobre você, ainda há tanto para saber... de alguma forma, de alguma maneira, sinto que estou começando a aprender a viver. Conte-me os teus segredos, permita-me descansar em teus braços, lutar por teus filhos, trilhar os teus caminhos.
   Pela recepção, sua atenção, por cada gesto e cada palavra, muito obrigado Coréia. Obrigado por me dar forças para não desistir. Obrigado por me dar esperança para sonhar e lutar pelos meus sonhos. Obrigado pela oportunidade de estar aqui Senhor! Obrigado por tudo que ainda irá acontecer.

Monday, 19 March 2012

É atemporal, e não depende do local
Essa dor que me consome e me corrói
Just don't ask me what, where, or how
Nem eu sei
Alguns chamam de amor
Outros: a falta dele
Eu não a chamo pois não sei o que é
Eu apenas a sinto
E assim minto para mim mesmo que está tudo bem.

Tuesday, 13 March 2012

"You, Lord, are all I have,
and you give me all I need;
my future is in your hands."
Psalm 16.5

Monday, 5 March 2012

South Korea 2012: O primeiro jogo

Domingo, 04 de Março de 2012
Daegu Stadium


   Os dias ainda têm sido muito gelados. Ainda mais nessa tarde de domingo acompanhada de uma leve chuva. Tudo por aqui é um grande espetáculo. O estádio, por si só, já favorece um clima diferente de tudo o que eu tinha experimentado em minha vida. Música durante o aquecimento, apresentações antes do jogo e no intervalo, e muita cordialidade por toda parte. Por ser a estréia do Daegu no campeonato, o jogo apresentou uma formalidade inicial diferente. Muitas autoridades presentes e uma grande expectativa no ar. Tudo muito organizado e respeitando todos os horários. E 15:00hs em ponto, a bola rolou acompanhada de fogos e muito som!
   Alguns imprevistos fora de campo fizeram com que a equipe tivesse que ser modificada no dia anterior ao jogo. Mas tudo correu bem. Jogo repleto de tudo o que não pode faltar em uma estreia: ansiedade, determinação, muito suor na camisa, e um belíssimo gol!
   Apesar do empate em 1x1, o Daegu fez um bom jogo, deixando seus torcedores animados e esperançosos de que esse será o melhor ano da história do clube! Que Deus nos abençoe!

Mais informações sobre o jogo AQUI.

Thursday, 1 March 2012

South Korea 2012: Primeira semana

   Novidade. Na primeira semana tudo foi novo para nós. Em cada lugar que íamos, cada pessoa que encontrávamos, em tudo o que fazíamos.
   Estamos morando em uma cidade chamada Gyeongsan, há aproximadamente 15 minutos de Daegu.
   O inverno mais rigoroso já passou, mas ainda faz muito frio. Dentro de casa não sentimos nada, pode-se ficar à vontade com a ajuda do aquecedor, mas ainda é quase impossível sair sem uma roupa mais pesada, luvas, gorro, etc.
   O povo daqui, no geral, é muito gentil e educado. Por mais que tivéssemos lido a respeito e imaginado como seria, nunca havíamos imaginado uma recepção dessa maneira. Todos nos respeitam como estrangeiros e fazem de tudo para que nos sintamos bem aqui na sua terra. Na nossa cidade existem poucos estrangeiros também... É engraçado e até ficamos com um pouco de vergonha quando todos param para olhar e prestar atenção em como somos, da onde viemos, que língua falamos, por que estamos aqui... às vezes acho que a ficha de que estamos do outro lado mundo ainda não caiu. Demais essa sensação de conhecer um lugar completamente diferente, com outra cultura, outros costumes, e ao mesmo tempo saber que somos todos um só, não sendo diferentes em nada!
   O patriotismo e a educação são impressionantes. Apesar de toda a beleza natural, as montanhas por todos os lados e toda a tecnologia, acho que a cultura é o que vai sempre continuar me impressionando a cada dia. Muito legal ver bandeiras sul coreanas espalhadas por todos os lugares. Tudo o que o país representa, é motivo de um orgulho imenso para a população. Nenhum lugar é perfeito, e toda regra tem exceção, mas isso tudo é simplesmente lindo. Gostaria que todos tivessem a oportunidade de viver pelo menos um dia por aqui.


   Ah sim, a comida. O tempero é muito diferente do que estamos acostumados no Brasil. Muita pimenta e uma inclinação muito forte para o doce. Por enquanto sentimos muita falta do café brasileiro e do nosso sal, mas já estamos nos acostumando e conhecendo os melhores lugares para se comer. Encontramos alguns restaurantes italianos ótimos também!
   Hoje não tenho vontade de ir para nenhum outro lugar. Quero aproveitar cada segundo, cada cumprimento, cada palavra, cada momento. Obrigado Coréia!


   Não sei como explicar isso, mas tenho certeza de que grandes coisas estão por vir. É incrível o modo como Deus trabalha e conduz seus planos, mesmo que muitas vezes nós não entendamos. Ainda não sei direito o que tem acontecido, para onde olhar, ou o que fazer, mas como é bom descansar em Deus. Ainda aprendendo a fazer isso, mas é a melhor escola que eu já conheci!